Ancestralidade
Estudo da Ancestralidade
Os Testes de ancestralidade permitem conhecer a história dos nossos antepassados pré-históricos. Através da análise do DNA materno e paterno, é possível conhecer as rotas migratórias dos antepassados, situando-os no espaço e no tempo.

À medida que as primeiras populações humanas se expandiram e se distribuíram por diversas regiões geográficas, foram ocorrendo pequenas variações e mutações no seu código genético. É com base nestes pormenores que o estudo de ancestralidade é feito.

Podem ser realizados estudos de ancestralidade por via materna ou por via paterna.

Ancestralidade via Materna
O historial por via materna conta-se através do DNA mitocondrial. Este material genético, que se encontra em pequenas estruturas celulares produtoras de energia, é exclusivamente herdado das mães.

Tanto os rapazes como as raparigas o recebem das suas mães, mas só as mulheres o passarão aos seus filhos. A partir do teste ao DNA mitocondrial, é possível estabelecer uma ligação até aos antepassados pré-históricos, por via materna. O estudo permite saber, por exemplo, que antepassados da sua mãe pertenciam aos povos que descobriram a agricultura no Próximo Oriente, há 9 mil anos, e que depois migraram ao longo da bacia do Mediterrâneo até à Península Ibérica.

Ancestralidade via Paterna
O cromossoma Y é próprio dos homens, que o herdam dos seus pais e o transmitem para os seus filhos do sexo masculino. A análise de segmentos de DNA deste cromossoma revela as rotas migratórias seguidas pelos antepassados do indivíduo, na linhagem paterna.

Existem 20 grandes assinaturas genéticas diferentes em toda a população mundial, só para o sexo masculino. Cada uma corresponde a um grupo genético ou haplogrupo. Todos os que pertencem a um determinado grupo são descendentes de uma mesma linhagem paterna.

Com o Teste de Ancestralidade paterna Genoration, fica a conhecer o seu grupo genético e a distribuição geográfica do mesmo, a nível mundial. As mulheres podem conhecer os seus antepassados pela via paterna, se recorrerem a uma amostra de DNA do pai, de um irmão ou do irmão do pai.


Como posso fazer o teste?

O processo é simples: a partir de uma amostra de saliva, colhida com uma zaragatoa, é possível conhecer o percurso dos ascendentes (da linha materna ou paterna).

Consulte o separador Pontos de venda para saber em que lojas aderentes poderá adquirir o kit de recolha ou registe-se para solicitar o envio do kit para casa.
Copyright © Genoration, 2017